No menu items!
24 C
Rio Branco
quarta-feira, março 3, 2021

Estudo mostra que homofóbicos tendem a ser mais burros

Últimas

Quanto menor capacidade cognitiva maior a concordância com ideia preconceituosa.

Um estudo identificou que há relação entre baixa capacidade cognitiva e homofobia. Pesquisadores da Universidade de Queensland, na Austrália, analisaram dados de duas pesquisas no país, de 2012 e 2015, sobre bem-estar econômico e pessoal e direitos LGBT.

Na segunda pesquisa havia a afirmação: “Casais homossexuais devem ter os mesmos direitos que casais heterossexuais”.

Os estudiosos, então, cruzaram dados de ambas as pesquisas e descobriram que quanto menor a inteligência cognitiva de uma pessoa, maior a probabilidade dela ser homofóbica.

“Alta capacidade cognitiva leva a menos preconceito”, concluíram os pesquisadores, de acordo com a revista científica Intelligence.

O estudo identificou que existem correlações bem conhecidas entre baixa capacidade cognitiva e suporte a atitudes preconceituosas ou não igualitárias.

“Este artigo adiciona ao conhecimento existente, fornecendo as primeiras análises das associações entre a capacidade cognitiva e as atitudes em relação às questões LGBT.”

“Indivíduos com baixa capacidade cognitiva têm menos probabilidade de apoiar direitos iguais para casais do mesmo sexo.”

“Nossos resultados sugerem que as habilidades cognitivas desempenham um papel crítico, embora subestimado, no preconceito”, concluíram.

“Consequentemente, recomendamos maior enfoque na capacidade cognitiva na pesquisa sobre preconceito e uma melhor integração da capacidade cognitiva em modelos de preconceito.”

Fonte: Guia Gay São Paulo




- Advertisement -

Mais notícias

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui