No menu items!
23 C
Rio Branco
domingo, abril 11, 2021

Morre o ator Leo Rosa, aos 37 anos, no Rio de Janeiro

spot_img

Últimas

Ele vinha enfrentando um câncer desde 2018

Morreu o ator Leo Rosa, aos 37 anos, nesta terça-feira (9), no Rio de Janeiro. Ele vinha enfrentando um câncer desde 2018. A informação é do colunista Fefito, do portal UOL.

A doença do artista começou nos testículos e complicou para uma metástase. Leo passou por sessões de quimioterapia e investiu em tratamentos alternativos.

Desde que descobriu o câncer, o ator adotou um estilo de vida saudável, longe da cidade e apenas em contato com a natureza e amigos.

Em sua carreira, Leo atuou em ‘Vidas Opostas’, em 2006, na Record TV, em que fez par romântico com Maytê Piragibe. Ele esteve ainda no elenco de outros folhetins da emissora, tais como ‘Amor e Intrigas’, ‘Promessas de Amor’, ‘Rei Davi’, ‘Balacobaco’, ‘Milagres de Jesus’ e ‘Escrava Mãe’, que vem sendo reprisada todas as tardes.

Além disso, em janeiro de 2020, o ator gravou uma participação em ‘Amor de Mãe’, na Globo, como um repórter. Na trama, ele cobriu a ocupação da escola em que a personagem de Jessica Ellen dá aulas.

CELEBRAÇÃO

No Instagram, Leo comemorou: “Voltar a trabalhar, pisar no estado de cena de novo, que desafio! Muito amor por cada carinho recebido”, disse na ocasião.

Ele ainda aproveitou o momento para agradecer a autora da novela, Manuela Dias, pela oportunidade. Nos comentários, os fãs do artista demonstraram muita alegria pelo momento especial.

“Eu assisti, fiquei muito feliz por você”, falou uma seguidora. “Muito feliz de te ver ontem atuando. Você é mil! Em frente para enfrentar, meu querido”, celebrou outro internauta.

AJUDA
Em maio de 2019, o ator chegou a fazer uma vaquinha, para ajudar a custear o tratamento.”Olá, tudo bem? Começa hoje uma campanha no site ‘Vakinha’ para auxílio de uma nova etapa do tratamento que estou realizando contra o câncer. Ajude como puder. Divulgue nas suas redes. Faça parte dessa corrente”, disse ele em uma postagem no Instagram.

O objetivo era conseguir R$140 mil. “Quem, como eu, não tem condições de arcar com os custos altíssimos dos exames, viagem, hospedagem e todo o acompanhamento necessário, sabe do que estou falando. A preocupação financeira é a primeira coisa que passa pela cabeça de um trabalhador que recebe a notícia de uma doença grave. Isso posso garantir.” disse.




- Advertisement -spot_img

Mais notícias

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui