No menu items!
26 C
Rio Branco
terça-feira, abril 20, 2021

Acjornal começa a mostrar a cara de quem não usa máscara no Acre; veja os flagrantes desta quarta-feira

spot_img

Últimas

 

Não queremos nem saber das consequências.

Se você vai nos processar.

Se você vai espernear

Se você vai nos xingar.

O uso da máscara é obrigatório.

Nossos repórteres fizeram alguns flagrantes nesta quarta-feira (veja a galeria de fotos abaixo).

Se a vida não tem importância para você, proteja o seu semelhante.

E aprenda que ao cuspir, espirrar, tossir e emitir saliva sem usar a máscara, você, se for um assintomático, está emitindo o vírus no ar, para contaminar muitas outras pessoas ao seu redor.

A orientação mais sensata não é nossa, mas de especialistas (veja acima).

Os chamados “bombados, grupo de homens e mulheres de porte físico mais avantajados, que com o fechamento dos parques públicos passaram a ocupar as ruas e calçadas de Rio Branco nos finais de tarde para pratica de exercícios físicos ao ar livre, não estão respeitando a lei que determina o uso de mascara em logradouros públicos.

Bastou cinco minutos parado na região da parte alta da capital acreana para a equipe do Acjornal registrar diversos flagrantes dessas pessoas caminhando, passeando de bicicleta e correndo totalmente desprotegidas.

O Acre registra 66 mil infectados com 1.201 mortes.

Isso não te incomoda?

Segundo o médico infectologista Genilson Leite, criador de uma campanha popular para conscientização da população do Estado do Acre para a importância do uso contínuo da mascara, esse tipo de comportamento é muito mais grave do que se pensa para a transmissão do novo coronavírus.

“Lembramos que a covid-19 é transmitida, sobretudo, pela via respiratória e cada vez que a pessoa fala, tosse e espirra, o vírus é jogado no ar e o elemento mais importante para não se passar a doença para frente é o uso da mascara. E na situação de agravamento da pandemia que estamos vivendo a recomendação é que o uso da mascara seja continuo por todos”, explica o médico, que também é deputado estadual, presidente da Comissão de Saúde da Assembléia legislativa.

Segundo a Organização Mundial da Saúde (OMS) quando a pessoa pratica exercícios físicos ela fica ofegante e isso faz ela lançar no ambiente leves partículas de salivas refinadas que ficam suspensas no ar por cerca de até duas horas. No caso de contaminação por covid-19 estudos científicos publicados no reconhecido jornal The New York Times mencionam os aerossóis com recente reconhecimento de meio de transmissão do novo corona vírus pela Organização Mundial da Saúde (OMS).

Dentre os diversos estudos citados na matéria, um deles, publicado na revista The Lancet por Fennelly KP, reforça a importância dos meios de prevenção, como o uso de máscaras, para impedir tanto a disseminação quanto a contaminação por aerossóis que contém o vírus.

Segundo dona Roberta de Paiva Negreiro, o que está faltando, de fato, para todos cumprirem as determinações do governo no tocante à obrigatoriedade do uso da mascara, é fiscalização por parte do próprio poder publico para fazer valer suas determinações e impor ordem publica na população desobediente.

“O que se vê na prática, meu filho, é as autoridades determinarem uma coisa e a população fazer outra sem a polícia fiscalizar e combater a desobediência que esta levando a morte para dentro de muitos lares e criando o caos em nossos hospitais”. Desabafou a moradora do bairro Xavier Maia.

Nos flagrantes do desrespeito ao decreto que obriga o uso de mascara em locais públicos, sobe pena de multa de mais de 70 reais ao infrator, a equipe do Acjornal registrou, também, o pouco caso da Policia Militar para fazer valer a lei nesse momento de pandemia.

As fotos abaixo mostram uma guarnição da PM em patrulhamento pela estrada Apolônio Sales, na tarde da ultima terça-feira, fazendo vista grossa para os flagrantes de pessoas que caminhavam pelas calçadas sem estarem usando mascara.

Nossa redação não conseguiu contato com o comando do 8º batalhão, responsável pela manutenção da ordem publica na parte alta da cidade, para perguntar porque os policias não abordaram as pessoas que praticavam exercícios físicos ao ar livre nas calçadas da referida rua sem estarem usando mascara.




- Advertisement -spot_img

Mais notícias

1 COMENTÁRIO

  1. Trabalhando para o estado? Vamos aos fatos. Fazer atividade física de máscara não faz bem. Fazer atividade física é bom para evitar complicações da doença pois aumenta a imunidade. O risco de contaminação em locais abertos é muito menor que em locais fechados. O povo brasileiro por se utilizar de sua liberdade de opinião, escolha, direito e ir e vir e até de respirar.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui