No menu items!
21.3 C
Rio Branco
quarta-feira, junho 16, 2021

Presidente que antecedeu atual gestão do Sinteac afirma que deixou mais de R$ 2 milhões em caixa

spot_img

Últimas

Em áudio postado em suas redes socias, na manhã deste sábado (08/05), o professor João Sandim fez um balance de sua gestão como presidente do Sindicado dos Trabalhadores em Educação do Estado do Acre e afirmou que deixou mais de R$ 2 milhões  em caixa para sua sucessora no cargo.

Ele explicou que o dinheiro foi uma espécie de arrecadação extra, proveniente do recurso do imposto sindical anual, liberado pela justiça após ganho de causa de uma ação judicial empreitada pelo SINTEAC ainda na gestão anterior do professor Manoel Lima.

João Sandim disse ainda que reformou a casa de apoio/hospedaria do sindicato e recuperou a estrutura física do clube social usando apenas o dinheiro da arrecadação mensal da entidade para economizar os mais de R$ 2 milhões do imposto sindical que havia recebido.

“Deixei em conta esse recurso que estava retido pela justiça e foi liberado na minha gestão”, afirmou

O professor João Sandim decidiu quebrar o silencio sobre os feitos de sua gestão no SINTEAC ao tomar conhecimento, no inicio da semana, de que estariam plantando rumores dentro da categoria de que a atual gestão da entidade teria recebido o sindicato falido.

Já que ele não mencionou o nome de quem lhe sucedeu no cargo, o departamento de jornalismo do Acjornal entendeu que não havia necessidade legal de procurar ninguém para contrapor as declarações republicadas aqui. A reportagem se limitou, apenas, em reportar o que já havia sido postado, inicialmente, pelo próprio professor João Sandim em outros canais de divulgação na internet , mediante autorização do próprio professor para reprodução do conteúdo.




- Advertisement -spot_img

Mais notícias