No menu items!
22.3 C
Rio Branco
segunda-feira, junho 14, 2021

Frente Popular pode ressurgir com Jorge Viana e Jenilson Leite na disputa pelo governo

spot_img

Últimas

Como Fênix, a Frente Popular que governou o Acre por 20 anos põe o ex-senador Jorge Viana (PT) e o deputado Jenilson Leite (PSB), como possíveis protagonistas de uma provável chapa Majoritária em 2022.

O deputado e médico Jenilson Leite disse há pouco, em entrevista a uma emissora local, que seu partido já decidiu que ele disputará o Senado ou o governo. A declaração foi um dia depois de Viana assumir a mesma intenção. O que teve em comum nisso? Os dois pensam em estar na chapa majoritária da FPA na disputa contra o governador Gladson Cameli (PP) e contra o senador Sérgio Petecão (PSB), que também será candidato ao governo.

Jorge escorregou quando perguntado se disputaria o governo ou senado. Deixou nas entrelinhas que pode ser senado ou governo. Sabe da boa aceitação popular do governador Gladson Cameli e vai esperar inclusive pesquisas internas antes de se definir.

Jenilson Leite foi no mesmo rumo e disse que seu partido tem apenas uma definição: apresentará um nome para senado ou governo na disputa de 2022.

Fazendo uma junção das duas falas, tudo indica que Jorge Viana e Jenilson Leite podem formar a chapa majoritária da FPA na disputa. Resta saber quem seria candidato a governo e quem sairia para senado.

Uma fonte do PSD do senador Petecão revelou que a possibilidade de uma junção com esse grupo não pode ser descartada, mas que definir isso agora poderia gerar desgaste na opinião pública, considerando a rejeição do eleitorado aos petistas.
A fonte disse que uma chapa com Petecão governador e Jorge Viana Senador é sonhos de muitos
“É um sonho dos dois lados”, disse.

Falta ainda equacionar a situação do PCdoB, que, com dois deputados; um estadual e uma federal, pode reivindicar lugar na foto da chapa majoritária pretendida pelo grupo.

Se tem confusão no ambiente de formação na chapa do governador Gladson Cameli, as formulações da FPA estão se desenhando e vão dar muita dor de cabeça para os seus dirigentes chegarem a uma definição final.




- Advertisement -spot_img

Mais notícias