ACRE

ExpoCapixaba é cancelada após aumento de casos de Covid no Acre

Published

on

A Comissão organizadora da ExpoCapixaba 2022 anunciou nesta segunda-feira (01) o cancelamento da Feira de Agronegócios (ExpoCapixaba), em decorrência do aumento de casos de covid-19 no município de Capixaba.

A atitude, tomada em comum acordo com os organizadores e patrocinadores, leva em conta que uma das medidas de segurança no combate à Covid-19, é evitar a aglomeração de pessoas. Nesse sentido, inclusive a escola Municipal Nair Sombra, adiou a realização de seu arraiá intitulado III Festa na Roça.

De antemão a organização, informou que toda a logística da ExpoCapixaba 2022 será utilizada na ExpoCapixaba 2023 que acontecerá no mês de Abril, juntamente com a comemoração do aniversário do município.

Assessoria

COMENTE ABAIXO:
Leia Também:  Acusado de compra de votos, vereador é absolvido no AC: “Deus me honrou”
Advertisement

ACRE

Saúde do Acre notifica raiva humana em paciente de Cobija, na fronteira

Published

on

A Secretaria de Estado de Saúde do Acre (Sesacre), por meio da Secretaria Municipal de Saúde de Brasileia, informou nesta terça-feira, 16, o registro de um caso de raiva humana, na cidade fronteiriça de Cobija, na Bolívia. O paciente está em coma e não tem antecedentes de mordedura de cão ou gato. A infecção foi diagnosticada na quinta, 11.A doença é caracterizada por sintomas neurológicos em animais e seres humanos. O vírus multiplica-se no local da lesão, migra para o sistema nervoso e, a partir daí, para diferentes órgãos, principalmente para as glândulas salivares, sendo eliminado pela saliva. Circula em ambientes domésticos, em animais como cães e gatos, também em raposas, morcegos, cavalos e vacas e é transmitido principalmente por meio de mordidas e arranhões ou de lambidas de mucosas e pele lesionada.

A chefe do Centro de Informações Estratégicas da Vigilância em Saúde (Cievs) da Sesacre, Débora dos Santos, ressalta que, em caso de suspeita de raiva, é fundamental a comunicação para acompanhamento e análise. No caso de uma possível infecção, a pessoa deve ir a uma unidade de saúde o mais rapidamente possível para o primeiro atendimento.

Leia Também:  Acusado de compra de votos, vereador é absolvido no AC: “Deus me honrou”

“Quem avalia é o profissional de saúde, que está amparado por um protocolo que vai verificar se o animal tem histórico de vacinação e se é agressivo, entre outros fatores”, informa.

Trabalho preventivoEm Brasileia, nesta segunda-feira,15, iniciou-se a campanha de vacinação antirrábica para cães e gatos.

COMENTE ABAIXO:
Continue Reading

RIO BRANCO

POLÍTICA

POLÍCIA

ACRE AGORA

MAIS LIDAS DA SEMANA

Botão WhatsApp - Canal TI
Botão WhatsApp - Canal TI