destaque2

A amnésia do Cesário: dirigente petista esqueceu quem deixou o funcionalismo sem salário e décimo terceiro

Published

on

Oportunista de carteirinha, o presidente estadual do Partido dos Trabalhadores e candidato a deputado estadual em 2022, Cesário Braga, não perde uma chance de aparecer xingando os outros.
Nesta quinta-feira, 23, Cesário  usou suas redes sociais para, mais uma vez, atacar o governador Gladson Cameli por manter o pagamento dos servidores estaduais em dia e, com isso, injetar mais de 660 milhões de reais na economia acreana no final de semana.
Segundo Cesário,  Gladson não pode usar uma ação de governo para comunicar a sociedade sobre seus benefícios.
Talvez seja porque os petistas acreanos  se sintam cada vez mais desembaraçado para dar livre curso à sua vocação centralizadora e autoritária e de que só eles trabalham. Passa a impressão de que o dinheiro só era do governo quando os governadores eram petistas.
Cesário esquece a importância de manter esses pagamentos em dia. Provavelmente para não querer lembrar que seu líder preferido no Estado,  o ex-governador Tião Viana, deixou o cargo com salários atrasados, incluindo 13⁰, não pagou as rescisões de seus próprios aliados e uma dívida sem tamanho para o atual governo pagar.
Seria honesto, decente, ético, se lembrasse que a conta toda foi paga pelo atual governo, e que isso, certamente e dificilmente, será esquecido pelas vítima do calote.
 

Leia Também:  Governador Gladson Cameli presta contas à população sobre gastos no combate à Covid-19

COMENTE ABAIXO:
Advertisement

destaque2

Lei que proíbe uso de fogos de artifício barulhentos em eventos no Acre é aprovada

Published

on

Com o objetivo de preservar tanto pessoas idosas, autistas e até o mesmo os animais, a lei que proíbe a venda e uso de fogos de artifícios barulhentos em eventos no Acre foi aprovada na Assembleia Legislativa do Acre (Aleac) nesta terça-feira (12).

O PL, de autoria do deputado estadual Pedro Longo em coautoria com a deputada Meire Serafim, foi apresentado na semana passada e apreciado na Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) e em seguida levado a plenário.

“Esse projeto atende a demanda de muitas famílias que têm pessoas autistas, enfermos e também daquelas entidades que fazem o resgate de proteção aos animais, já que além das pessoas com maior sensibilidade, os animais também sofrem muito com estes fogos com estampido, acabam fugindo, se sequelando e muitas vezes morrendo. Então, é um projeto com uma grande relevância social e, agora, esperamos que rapidamente o governador Gladson Cameli sancione para que se torne lei”, disse o deputado.

Na lei aprovada, é dado um prazo de 60 dias para os comerciantes que trabalham neste ramo se adequarem à nova lei assim que ela for sancionada.

Leia Também:  O diretor de escola ex dirigente do PT e assessor de Tião Viana que se aliou a Petecão e pode ser secretário de Bocalom

Por G1

COMENTE ABAIXO:
Continue Reading

RIO BRANCO

POLÍTICA

POLÍCIA

ACRE AGORA

MAIS LIDAS DA SEMANA

Botão WhatsApp - Canal TI
Botão WhatsApp - Canal TI