destaque2

Carniceiros vão ao cartório eleitoral saber quem assumiria Aleac em caso de morte de Whendy Lima

Published

on

Um dos cartórios eleitorais de Rio Branco foi consultado por ao menos dois interessados na vaga do deputado Wendy Lima (PSL). O parlamentar está afastado por motivos de doença e sua situação clínica é grave, em decorrência de um Tromboembolismo Pulmonar, segundo avaliações médicas nas últimas 24 horas. Lima foi submetido a uma cirurgia para correção de uma bariátrica e permanecia intubado até o fechamento desta reportagem.
Intriga a aposta de alguns integrantes da coligação PSL, PSC, Patriotas – supostos amigos – de que o deputado não consiga voltar à cadeira na Aleac.
“Enquanto familiares e amigos reza pela vida de Wendy lima que está na UTI, já tem alguém buscando saber como está sua situação dentro da coligação em que o deputado foi eleito”, escreveu em seu blog o internauta Nésio Mendes.
Naturalmente, a primeira suplente é a pastora Sandra asfury, que obteve 1.870 votos, mas ela está nomeada em cargo comissionado na gestão do prefeito Tião Bocalom (PP).
Segundo lugar é o Olavinho Boiadeiro (1755 votos), que deixou o PSL para ser candidato a prefeito de acrelândia pelo MDB e não alcançaria a vaga em caso de morte do deputado.
O terceiro interessado é o professor Aledias.
Ele chagaria à Aleac, embora tenha obtido 699 votos, caso esta vaga seja aberta e Sandra Asfury não manifeste o desejo de ser deputada.
Importante registrar que Wendy Lima, segundo os médicos, reagiu bem à cirurgia para correção da bariátrica, realizada na Fundação Hospitalar, e deve receber alta nos próximos dias.
 

Leia Também:  "Respeito pela Educação", reconhece Nicolau Júnior, em Tarauacá, em ato de contratação de professores

COMENTE ABAIXO:
Advertisement

destaque2

Lei que proíbe uso de fogos de artifício barulhentos em eventos no Acre é aprovada

Published

on

Com o objetivo de preservar tanto pessoas idosas, autistas e até o mesmo os animais, a lei que proíbe a venda e uso de fogos de artifícios barulhentos em eventos no Acre foi aprovada na Assembleia Legislativa do Acre (Aleac) nesta terça-feira (12).

O PL, de autoria do deputado estadual Pedro Longo em coautoria com a deputada Meire Serafim, foi apresentado na semana passada e apreciado na Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) e em seguida levado a plenário.

“Esse projeto atende a demanda de muitas famílias que têm pessoas autistas, enfermos e também daquelas entidades que fazem o resgate de proteção aos animais, já que além das pessoas com maior sensibilidade, os animais também sofrem muito com estes fogos com estampido, acabam fugindo, se sequelando e muitas vezes morrendo. Então, é um projeto com uma grande relevância social e, agora, esperamos que rapidamente o governador Gladson Cameli sancione para que se torne lei”, disse o deputado.

Na lei aprovada, é dado um prazo de 60 dias para os comerciantes que trabalham neste ramo se adequarem à nova lei assim que ela for sancionada.

Leia Também:  Prefeitura culpa os próprios candidatos pelas falhas durante eleição de Conselheiro Tutelar

Por G1

COMENTE ABAIXO:
Continue Reading

RIO BRANCO

POLÍTICA

POLÍCIA

ACRE AGORA

MAIS LIDAS DA SEMANA

Botão WhatsApp - Canal TI
Botão WhatsApp - Canal TI