destaque2

Fusão DEM/PSL: Márcio Bittar, com os dois pés fora do MDB, será o líder do grupo, diz Pedro Valério

Published

on

O atual presidente do PSL, Pedro Valério, afirmou que “é quase consenso dentro do grupo e da executiva nacional que ,logo após a formalização da fusão com o DEM, o senador Márcio Bittar deixará o MDB e chegará para ser o novo comandante do grupo.
Pedro Valério disse que apoiará Márcia Bittar ao senado, independente de ela estar na chapa do governador Gladson Cameli.
Valério despreza a força e liderança de Alan Rick, que hoje lidera as pesquisas dentre os aliados ao governador e ainda não manifestou sua vontade de disputar o Senado, mantendo-se discreto.
Valério alimenta a possibilidade de Bittar indicar, também, o vice de Gladson, com Márcia Bittar ao senado, coisa que dificilmente pode acontecer.
Rocha deve sair do PSL, pois tem planos de caminhar na aventura política de fortalecer o PL e tentar sobreviver politicamente.
Os dirigentes do DEM e PSL se reunirão ainda essa semana para definir os detalhes da fusão entre ambos.

COMENTE ABAIXO:
Leia Também:  Chama o Bozo: denunciado o blogueiro bolsonarista que atacava presidente do TSE
Advertisement

destaque2

Lei que proíbe uso de fogos de artifício barulhentos em eventos no Acre é aprovada

Published

on

Com o objetivo de preservar tanto pessoas idosas, autistas e até o mesmo os animais, a lei que proíbe a venda e uso de fogos de artifícios barulhentos em eventos no Acre foi aprovada na Assembleia Legislativa do Acre (Aleac) nesta terça-feira (12).

O PL, de autoria do deputado estadual Pedro Longo em coautoria com a deputada Meire Serafim, foi apresentado na semana passada e apreciado na Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) e em seguida levado a plenário.

“Esse projeto atende a demanda de muitas famílias que têm pessoas autistas, enfermos e também daquelas entidades que fazem o resgate de proteção aos animais, já que além das pessoas com maior sensibilidade, os animais também sofrem muito com estes fogos com estampido, acabam fugindo, se sequelando e muitas vezes morrendo. Então, é um projeto com uma grande relevância social e, agora, esperamos que rapidamente o governador Gladson Cameli sancione para que se torne lei”, disse o deputado.

Na lei aprovada, é dado um prazo de 60 dias para os comerciantes que trabalham neste ramo se adequarem à nova lei assim que ela for sancionada.

Leia Também:  Bolsonaro, Bittar e ministros aglomeram sem máscaras no interior do Acre. Multidão também não se protege; Vídeo

Por G1

COMENTE ABAIXO:
Continue Reading

RIO BRANCO

POLÍTICA

POLÍCIA

ACRE AGORA

MAIS LIDAS DA SEMANA

Botão WhatsApp - Canal TI
Botão WhatsApp - Canal TI