BRASIL

Bolsonaro cresce entre idosos e ricos; Lula entre jovens e pobres

Published

on

Lula e Bolsonaro
Reprodução – 19.09.2022

Lula e Bolsonaro

 O ex-presidente Luiz Inácio da Lula da Silva (PT), atual líder nas intenções de votos entre os candidatos que disputam o Palácio do Planalto, ampliou sua margem junto aos eleitores mais jovens e mais pobres, enquanto que o atual presidente e candidato a reeleição Jair Bolsonaro (PL), apresentou crescimento entre os mais idosos e mais ricos. 

A pesquisa Datafolha divulgada ontem (22), apresenta que no grupo de eleitores com idade entre 16 a 24 anos, o petista cresceu quatro pontos percentuais em relação ao levantamento anterior. Lula passou de 50% para 54% das intenções de votos nessa faixa etária de idade na última semana. Em contrapartida, Bolsonaro teve queda entre os mais jovens passando de 28% para 24%.  Nessa faixa etária, a diferença de percentual entre os dois candidatos aumentou de 22 para 30 pontos percentuais.

Entre eleitores de 25 a 34 anos, ele passou de 42% para 45%, enquanto Bolsonaro manteve-se com 38%. Entre quem tem de 35 a 44 anos, porém,Jair Bolsonaro reagiu e diminuiu a vantagem crescento de 32% para 36%, enquanto o petista oscilou de 47% para 46%.

Leia Também:  Vídeo - Bolsonaro é vaiado em churrascaria: "Fora, vagabundo"

Eleitores mais velhos  No grupo dos eleitores com idade entre 45 e 59 anos, o ex- presidente petista passou de 44% a 47%, enquanto Bolsonaro caiu de 33% para 31%. Bolsonaro teve uma melhora nas intenções de votos entre eleitores idosos, com 60 anos ou mais. O atual mandatário passou de 32% para 34%, contra 43% do petista.

Renda do eleitor e decisão de voto  

O Datafolha também avaliou a intenção de votos na segmentação pela renda do eleitor. O único grupo onde Lula tem vantagem é entre os mais pobres – a maior parte do eleitorado brasileiro. O petista passou de 52% para 57% entre pessoas com renda mensal de até dois salários mínimos. Já o presidente Jair Bolsonaro (PL) oscilou de 27 para 24 pontos percentuais. 

O voto em Bolsonaro tem maior adesão na chamada classe média. Que seria o grupo de eleitores com renda de dois a cinco salários por mês. Bolsonaro passou de 39% para 43%, enquanto que Lula caiu de 40% para 36%. 

Leia Também:  Dia dos Pais: entenda origem da data no Brasil e no mundo

Bolsonaro cresceu também entre eleitores com renda familiar de cinco a dez salários. O presidente cresceu de 40% para 46%, e Lula manteve-se com 35%. Já entre pessoas com renda acima de dez salários mínimo, o chefe do Executivo passou 41% para 45%. Lula também apresentou melhora, passando de 32% para 35%.

O Datafolha entrevistou presencialmente 6.754 eleitores de todo o país entre os dias 20 e 22 de setembro. A pesquisa tem margem de erro de dois pontos percentuais para mais ou menos. Está registrada na Justiça Eleitoral com o código BR-04180/2022.

Entre no  canal do Último Segundo no Telegram e veja as principais notícias do dia no Brasil e no Mundo.  Siga também o  perfil geral do Portal iG.

Fonte: IG Nacional

COMENTE ABAIXO:
Advertisement

BRASIL

TV Brasil conquista reconhecimento no Prêmio Sebrae de Jornalismo/RJ

Published

on

O programa jornalístico Caminhos da Reportagem, atração dominical da TV Brasil, foi agraciado com o 2º e 3º lugar na etapa Rio de Janeiro do 9º Prêmio Sebrae de Jornalismo (PSJ). O anúncio ocorreu durante solenidade na noite desta quinta (29) na capital fluminense.

As edições “Gastronomia da Solidariedade” e “Negócios de Impacto” foram classificadas na categoria Jornalismo em Vídeo e selecionadas para a decisão estadual. Com reportagem de Aline Beckstein, as duas matérias especiais reconhecidas entre as melhores produções na final foram realizadas pela equipe da emissora pública no Rio de Janeiro.

A premiação valoriza o trabalho da imprensa em prol do fortalecimento dos pequenos negócios. O objetivo é ratificar a relevância da cobertura e de notícias que conferem visibilidade à cultura empreendedora. O tema central deste ano é “A importância dos pequenos negócios para a economia do país”.

Apresentado originalmente em 13 de março de 2022, o episódio “Gastronomia da Solidariedade” garantiu a segunda colocação no prêmio. Com o título “Negócios de Impacto“, a outra pauta teve exibição na telinha em 14 de novembro de 2021. Os conteúdos estão disponíveis no app TV Brasil Play. O público também pode conferir as reportagens no site do canal e em suas redes sociais.

Leia Também:  Bolsonaro não cita atos a favor da democracia durante evento

Sobre o prêmio

O Prêmio Sebrae de Jornalismo (PSJ) distingue as melhores notícias veiculadas em diferentes canais da mídia brasileira ou novas plataformas digitais sobre empreendedorismo e pequenos negócios. A iniciativa reforça o papel fundamental da imprensa para fortalecer e dar visibilidade aos pequenos negócios.

A nona edição do concurso recebeu mais de 1.100 inscrições. Conteúdos jornalísticos veiculadas entre os dias 1° de setembro de 2021 e 29 de junho de 2022 disputam a premiação.

Os trabalhos inscritos nas categorias de texto, áudio, vídeo e foto concorreram na etapa estadual. Os contemplados seguem no páreo em busca da vitória nas etapas regional e nacional.

As inscrições voltadas aos prêmios especiais têm apenas a seleção na etapa nacional. Os finalistas devem ser anunciados próximo à data da cerimônia nacional do 9º Prêmio Sebrae de Jornalismo (PSJ) que está prevista para ocorrer no dia 6 de dezembro, em Brasília.

Edição: Lílian Beraldo

Fonte: EBC Geral

COMENTE ABAIXO:
Continue Reading

RIO BRANCO

POLÍTICA

POLÍCIA

ACRE AGORA

MAIS LIDAS DA SEMANA

Botão WhatsApp - Canal TI
Botão WhatsApp - Canal TI