Carros e Motos

VW revela o ID.Aero, o sedã elétrico que entra no lugar do Passat

Published

on

Novo Sedã da Volkswagen, ID.AERO é tido como sucessor do saudoso Passat
Divulgação

Novo Sedã da Volkswagen, ID.AERO é tido como sucessor do saudoso Passat

Após grande mistério, a Volkswagen revela o conceito ID. Aero, seu primeiro sedã de luxo 100% elétrico, feito para brigar com o Tesla Model 3 e BMW i4, e servir como opção para clientes que não desejam SUVs.

O conceito revela as linhas e dimensões do futuro modelo, que  será oferecido nos principais mercado do mundo, assim como os ID.3 , ID.4 , ID.5 e ID.Buzz , porém, será inicialmente fabricado e vendido na China, assim como aminivan  ID.6 , que é exclusivamente chinesa.

Segundo a Volkswagen, o ID.Aero foi pensado para ser o sedã médio Premium de famílias chinesas de classe média alta, e tem como principal atrativo o espaço interno, graças a seu longo entre-eixos, que não teve medida divulgada pela fabricante.

Leia Também:  A Harley-Davidson Fat Bob 2022 chegou, mas não é igual à americana

O VW Aero traz a linguagem visual da linha de modelos elétricos da Volkswagen , com faróis de LED conectados por uma barra luminosa que atravessa toda a dianteira. Na traseira, também há um elemento conectando as lanternas, mas desta vez é preto, e se assemelha ao que a VW utiliza nos SUVs T-Cross e Nivus , no Brasil.

Traseira lembra modelos da Audi, e busca rivalizar com Tesla e BMW
Divulgação

Traseira lembra modelos da Audi, e busca rivalizar com Tesla e BMW

O desenho do ID.Aero é bem simples, mas refinado, e foi pensado para obter o máximo de eficiência aerodinâmica (daí o nome aero), e possui um coeficiente de arrasto de 0.23 Cx, para melhorar a autonomia.

As linhas que lembram as de um cupê fazem sua estreia na linha VW, e as rodas de aro 22 têm desenho de “turbina” e detalhe diamantado, mas não se sabe se o modelo será produzido com esse tamanho de rodas, mas caso aconteça, serão os maiores aros disponíveis em um carro da Volkswagen atualmente.

“Com o ID.Aero estamos mostrando uma prévia do próximo membro da família ID. Um carro com desenho aerodinâmico mas, mesmo assim, emocionante, com grande autonomia e espaço interno extraordinário e de alta qualidade.” Declarou Ralf Brandstätter, CEO da Volkswagen.

Leia Também:  PGR entra com recurso para manter cassação de deputado bolsonarista

O ID.Aero será produzido na plataforma MEB, dedicada a veículos elétricos da Volkswagen, e será equipado com um pacote de baterias de 77 kWh. Atualmente, outros modelos da linha ID . contam com pelo menos um motor elétrico de 204 cv e 31,6 kgfm, nas versões mais simples.

A VW anunciou que o modelo terá autonomia de 620 km no ciclo WLTP, e é significativamente maior que os 480 km que a linha ID consegue em média.

Fonte: IG CARROS

COMENTE ABAIXO:
Advertisement

Carros e Motos

Mini traz 15 unidades da série Pat Moss Edition do John Cooper Works

Published

on


Nome de Pat Moss é uma homenagem a piloto britânica que deu à Mini sua primeira vitória em  uma prova de rali
Divulgação

Nome de Pat Moss é uma homenagem a piloto britânica que deu à Mini sua primeira vitória em uma prova de rali

A Mini anuncia que vai trazer ao mercado brasileiro a série especial do John Cooper Works batizada de Pat Moss, em homenagem à piloto britânica que deu à Mini sua primeira vitória em um rali internacional, há 60 anos.

De acordo com a fabricante inglesa, o modelo tem apenas 800 unidades espalhadas em todo o mundo, sendo que apenas 15 serão destinadas para pré-venda no Brasil ao preço de R$ 318.390 , com as primeiras entregas programadas para setembro. 

Disponibilizada na cor Preto Midnight para a carroceria e teto multitone de três cores (Preto Jet, Cinza Melting e Vermelho Chili), o hatch agrega faixa branca no capô além da assinatura da Pat Moss no para-choque dianteiro. 

Leia Também:  Tata mostra conceito Avinya, e versão de produção chegará em 2025

Por dentro, além da assinatura da piloto, há também sistema de som da renomada Harman/Kardon , head up display , painel digital, central multimidia touchscreen de 8,8 polegadas e sistema de navegação integrado.

O motor é biturbo de 2,0 litros de quatro cilindros de 231 cv e torque de 32,63 kgfm e a transmissão de 8 velocidades. Segundo a fabricante, de 0 a 100 km/h são feitos em 6,1 segundos e a velocidade máxima é de 246 km/h.

Pat Moss e a navegadora, Ann Wisdom venceram no Rally de Monte Carlo em 1964, 1965 e 1967 e décadas depois, a vitória geral no Paris-Dakar quatro vezes seguidas (2012 e 2015), além de mais duas gerais (2020 e 2021).

Fonte: IG CARROS

COMENTE ABAIXO:
Continue Reading

RIO BRANCO

POLÍTICA

POLÍCIA

ACRE AGORA

MAIS LIDAS DA SEMANA

Botão WhatsApp - Canal TI
Botão WhatsApp - Canal TI