Destaque

Antecedente gravíssimo: sargento do Trisal executou adolescente e alterou cena do crime para parecer legítima defesa

Published

on

Em 19 julho deste ano, o sargento da Polícia Militar Erisson de Melo Nery passou a ser réu no processo que apura a morte de um adolescente.
A decisão foi da Juíza da 1ª Vara do Tribunal do Júri, Luana Campos, que recebeu a denúncia oferecida pelo Ministério Público do Acre contra o militar.
De acordo com o processo em 24 de novembro de 2017, entre às 11 e 13 horas, na Rua Pantanal, Conjunto Canaã, no Bairro Areal, em Rio Branco, o sargento Erisson Nery executou o adolescente Fernando de Jesus de 13 anos com pelo menos seis tiros.
Consta nos autos que a ação foi um ato de fazer justiça com as próprias mãos. A vítima era suspeita de realizar um furto na residência do militar.
A perícia de local comprovou também que logo após o crime o militar e um colega de farda alteraram a cena do crime para forjar uma possível ação de legitima defesa.
“ Logo após o homicídio, os denunciados Erisson Nery e Ítalo Cordeiro, agindo em comunhão de propósitos entre si e com especial finalidade de induzir a erro juízes e peritos que viessem atuar no caso, inovaram artificiosamente o estado do cadáver, do piso ao seu redor e do lugar da arma encontrada próximo às mãos do cadáver” disse um trecho da decisão.
De acordo com a justiça o militar chegou a plantar uma arma próximo à mão do adolescente na tentativa de alterar a cena do crime e, justificar uma possível legitima defesa.
Essa ação, segundo a justiça, configura o crime de fraude processual.
Quatro anos e sete dias depois do crime o militar ainda não foi interrogado no âmbito da justiça.
Consta no SAJ do Tribunal de Justiça que a última movimentação do processo ocorreu nesta terça-feira, 30, quando houve uma Certidão de Remessa da Intimação para o Portal Eletrônico. Depois desse fato Erisson Nery teria pedindo transferência para o interior do estado.

Leia Também:  Sargento preso: conta do trisal no Instagram é reativada com mensagem indireta

COMENTE ABAIXO:
Advertisement

ACRE

Confira: Prefeitura de Sena Madureira abre processo seletivo com 155 vagas

Published

on

Inscrições abertas para o Processo Seletivo da Prefeitura de Sena Madureira que pretende contratar 155 profissionais na área da educação. Os interessados podem se inscrever exclusivamente por meio eletrônico, até 13 de abril de 2022, no site da Fundape http://fundape.com.br/?e=page&q=2022-02-sena-madureira ,respeitando o horário do Acre.

As vagas são para Professor de Creche (14); Professor da Educação Infantil – Pré-Escola (14); Professor do Ensino Fundamental – 1.º ao 5.º ano (50); Professor da Educação Infantil Pré-Escola – Zona Rural (6); Professor do Ensino Fundamental I – 1.º ao 5.º ano – Zona Rural (41); Professor do Ensino Fundamental II – 6.º ao 9.º ano – Zona Rural (30).

Os profissionais deverão realizar suas funções em jornadas de 25 horas-aula, referente a remuneração máxima atingida de R$1.579,66. O prazo de validade do Processo Seletivo será de oito meses, correspondentes aos meses de maio a dezembro de 2022, prorrogável, a critério da Prefeitura Municipal de Sena Madureira, por período necessário ao cumprimento do ano letivo.

Leia Também:  Acjornal questiona: existe servidora fantasma na FEM? Responda, Correinha!

A prova deve ocorrer no dia 01 de maio, com duração de três horas. A prova abordará questões de Matemática, Português, Conhecimentos Gerais, Atualidade, Legislação e Conhecimentos Específicos.

Fonte: Acrenews

COMENTE ABAIXO:
Continue Reading

RIO BRANCO

POLÍTICA

POLÍCIA

ACRE AGORA

MAIS LIDAS DA SEMANA

Botão WhatsApp - Canal TI
Botão WhatsApp - Canal TI