Destaque

Saerb quase falido, rede estourada e arrecadação zero: o enorme desafio de Bocalom pra garantir água a todos

Published

on

Em reunião na sede da prefeitura, o prefeito Tião Bocalom declarou que os recursos necessários para o funcionamento inicial do Saerb para manter o abastecimento de água da cidade estão garantidos. Serão repassados R$ 25 milhões para locação de imóvel, contratação de técnicos, compra de equipamentos e melhorar a parte administrativa.
No encontro que aconteceu no gabinete do prefeito, Tião Bocalom logo quis saber como estão os preparativos para receber o serviço de abastecimento de água da capital. Depois de dois adiamentos, o período marcado para a reversão será o dia 1 de janeiro de 2022. A partir dessa data, a prefeitura será a responsável pela distribuição de água nas residências e o comércio da cidade.
Segundo a diretora-presidente do Saerb, Fabiana Souza, o sistema atual tem diversas falhas e para garantir o funcionamento básico a prefeitura precisa de recurso. A direção do Depasa que gerencia o sistema não sabe onde passa todo a rede. Tem as constantes reclamações da falta de água, principalmente na região mais alta da cidade. Na parte de arrecadação, o Depasa praticamente deixou de funcionar, e onde tem hidrômetro, 50% consumidores pagam as contas que geralmente são pequenos valores e não indicam o verdadeiro consumo.
“As bombas e a rede em geral são antigas. Se hoje aumentarmos a vazão, corremos o risco de estourar os canos e multiplicar os vazamentos na rede”, disse Souza.
A atual diretora da saerb disse que se assustou quando começou o levantamento e viu que o sistema estava praticamente falido. “O Saerb vai precisar de muito dinheiro para montar uma estrutura administrativa e técnica, além de novos equipamentos”, lembrou.
Fora todos esses problemas ainda tem um risco de desabamento da estação de captação de água para a estação e tratamento II, responsável por 70% do abastecimento da capital.
O prefeito Tião Bocalom disse que os R$ 25 milhões para o pontapé inicial dos trabalhos estão garantidos. Mas a ideia é modernizar o sistema, e, para isso, a prefeitura já pensa em buscar empréstimo que alcançaria também a rede de esgoto.

Leia Também:  Cruzeiro do Sul: quase 1.6 mil casos, 21 mortes, pior taxa de isolamento, UTI´s no limite, fiscalização omissa e praias cheias

COMENTE ABAIXO:
Advertisement

ACRE

Confira: Prefeitura de Sena Madureira abre processo seletivo com 155 vagas

Published

on

Inscrições abertas para o Processo Seletivo da Prefeitura de Sena Madureira que pretende contratar 155 profissionais na área da educação. Os interessados podem se inscrever exclusivamente por meio eletrônico, até 13 de abril de 2022, no site da Fundape http://fundape.com.br/?e=page&q=2022-02-sena-madureira ,respeitando o horário do Acre.

As vagas são para Professor de Creche (14); Professor da Educação Infantil – Pré-Escola (14); Professor do Ensino Fundamental – 1.º ao 5.º ano (50); Professor da Educação Infantil Pré-Escola – Zona Rural (6); Professor do Ensino Fundamental I – 1.º ao 5.º ano – Zona Rural (41); Professor do Ensino Fundamental II – 6.º ao 9.º ano – Zona Rural (30).

Os profissionais deverão realizar suas funções em jornadas de 25 horas-aula, referente a remuneração máxima atingida de R$1.579,66. O prazo de validade do Processo Seletivo será de oito meses, correspondentes aos meses de maio a dezembro de 2022, prorrogável, a critério da Prefeitura Municipal de Sena Madureira, por período necessário ao cumprimento do ano letivo.

Leia Também:  Motorista que matou mulher em racha promete se apresentar à polícia. BMW é apreendida

A prova deve ocorrer no dia 01 de maio, com duração de três horas. A prova abordará questões de Matemática, Português, Conhecimentos Gerais, Atualidade, Legislação e Conhecimentos Específicos.

Fonte: Acrenews

COMENTE ABAIXO:
Continue Reading

RIO BRANCO

POLÍTICA

POLÍCIA

ACRE AGORA

MAIS LIDAS DA SEMANA

Botão WhatsApp - Canal TI
Botão WhatsApp - Canal TI