ECONOMIA

5 dicas para construir uma carreira bem-sucedida

Published

on

5 dicas para construir uma carreira bem-sucedida
Redação EdiCase

5 dicas para construir uma carreira bem-sucedida

Confira quais ações são importantes para impulsionar a sua profissão

Por Eco Editorial 

Embora o significado de sucesso profissional seja diferente para cada um, a maioria das pessoas sonha em ser bem-sucedida em seus empregos. Para que esse desejo possa se tornar realidade, é preciso colocar em prática algumas ações.

> 3 dicas para começar a vender produtos pela internet

1. Objetivo e metas 

O que você deseja para sua vida? Descobriu? Então estabeleça metas e objetivos de curto, médio e longo prazo. Dizem que “quem não sabe o que procura, quando encontra não reconhece”. Se você sabe o que quer, fica quase imune a surpresas desagradáveis. Os objetivos fornecem um claro senso de direção. As metas nos dão a sensação de controle, propósito e foco.

2. Determinação é tudo 

Delimitados os objetivos e metas, é hora de tirá-los do mundo dos sonhos. Para que isso aconteça, a autodisciplina é fundamental. Sempre que exercemos autodomínio e nos determinamos a fazer ou dizer o que é certo para vencer, criamos resistência às nossas tendências naturais, como “depois eu vejo”, “amanhã eu faço”, “acho que não sou capaz”. 

Leia Também:  Quase 70% das empresas ativas no país são MEI, divulga ministério

Se para alcançar seu objetivo é essencial, por exemplo, acordar mais cedo, não é cedendo à tentação de dormir mais que você conseguirá cumprir o seu propósito. Toda mudança exige uma dose de sacrifício saudável. Ultrapassados esses limites, o novo tem tudo para virar parte de você.

> 10 dicas para conquistar um novo emprego

3. Confie em você

É impossível assumir riscos se você não confia em si. Para isso, é preciso ter muito claro os seguintes itens: clareza (sobre quem você é e o que quer), convicção (de seus valores), compromisso (com o próprio plano de ação) e perseverança (o caminho para o sucesso exige persistência: não dá para assumir uma tarefa hoje e amanhã deixá-la de lado).

4. Faça o que ama 

A motivação e a qualidade de um projeto, seja ele de trabalho ou de vida, está completamente ligado ao sentimento que você tem em relação a ele. Se você está fazendo alguma coisa que considera chata, se está sempre olhando para o relógio, rezando para que o dia passe rápido, cuidado! Você está desperdiçando um tempo importante da sua vida e, certamente,contrariando o desejo do seu coração.

Leia Também:  Scheila Carvalho relembra carreira como bancária antes do 'É o Tchan'

É claro que, às vezes, é necessário fazer algumas concessões e invocar paciência, mas isso precisa fazer sentido para você. Sabe como é? “Plantando para colher depois”. Aí, sim, vale a pena. Se conseguir manter o brilho nos olhos, a disposição de enfrentar todos os dias uma condução cheia ou um engarrafamento daqueles, então você terá motivação para fazer mais e ir além na busca pelos seus objetivos.

5. Assuma riscos 

Sair da zona de conforto é outra parte essencial no caminho para o sucesso. É fundamental assumir os riscos que esse movimento traz. 

Veja mais dicas sobre carreira na revista Sim, você pode!

Fonte: IG ECONOMIA

COMENTE ABAIXO:
Advertisement

ECONOMIA

Ministro diz que bancos não poderão cobrar taxas sobre Auxílio Brasil

Published

on

Auxílio Brasil
Agência Brasil

Auxílio Brasil

O ministro da Cidadania, Ronaldo Vieira Bento, disse em entrevista nesta sexta-feira (30) que bancos não poderão cobrar nenhum tipo de taxa para famílias que optarem pelo crédito consignado do Auxílio Brasil. Ele destacou ainda que o teto de juros a serem permitido é de 3,5% ao mês.

“O empréstimo consignado veio para assessorar as famílias nesse momento de recuperação social que o país passa pelo pós-pandemia. Essas famílias, que se encontram endividadas, às vezes pagando taxa de juros em cartão de crédito da ordem de até 20% ao mês, agora vão poder trocar essa dívida cara por uma dívida barata”, disse.

Durante a entrevista, Roberto também destacou que o teto de juros definido para a linha de crédito é de 3,5% ao mês. 

A opção citada pelo ministro é que as famílias participantes do benefício pelo crédito consignado é empreendedorismo, já que o programa agora permite que beneficiários criem, por exemplo, microempresa individual sem perder o direito ao auxílio.

“A família consegue, com esse novo benefício do consignado, comprar um equipamento para continuar a sua produção. Muitos profissionais autônomos que, durante a pandemia, tiveram a sua renda prejudicada, muitas vezes chegando a zero e impedidas de ganhar o seu sustento, agora, com essa ferramenta do empréstimo consignado, vão conseguir retomar a sua atividade de trabalho”, disse em entrevista à TV Brasil.

Leia Também:  Quer perder peso? Nutróloga dá dicas que podem ajudar a emagrecer

Entre no  canal do Brasil Econômico no Telegram e fique por dentro de todas as notícias do dia. Siga também o  perfil geral do Portal iG

Recentemente, o  presidente do Senado, Rodrigo Pacheco, prorrogou por 60 dias a vigência da  medida provisória (MP) que garante a opção da liberação de crédito pelo Auxílio Brasil. 

O Ministério da Cidadania informou recentemente que 17 instituições financeiras haviam feito o pré-cadastro para ofertar a modalidade. Mas não detalhou quais seriam esses bancos. Porém, grandes bancos como Bradesco, Itaú e BMG já se posicionaram contra a possibilidade de ofertar o crédito. 

A Federação Brasileira de Bancos (Febraban) também se posicionou, dizendo que que não há previsão para a concessão do consignado devido a aspectos operacionais, tempo para análise de risco e exigências burocráticas.

Fonte: IG ECONOMIA

Leia Também:  4 dicas para começar a correr 5 km

COMENTE ABAIXO:
Continue Reading

RIO BRANCO

POLÍTICA

POLÍCIA

ACRE AGORA

MAIS LIDAS DA SEMANA

Botão WhatsApp - Canal TI
Botão WhatsApp - Canal TI