Esporte

Na Arena Barueri, Santos FC empata com o Ceará

Published

on

A próxima partida do Peixe será pela Conmebol Sul-Americana, na terça-feira (24), diante do Banfield-ARG, na Vila Belmiro, às 19h15.

O jogo
A primeira boa chance do time santista na partida ocorreu aos 12 minutos. Marcos Leonardo vence a marcação na velocidade, mas chuta pela rede do lado de fora.

No ataque seguinte, o Ceará respondeu, mas o goleiro João Paulo estava pronto para fazer sua primeira defesa no jogo.

Aos 26 minutos, Vinícius Zanocelo enfileira os marcadores e toca para Marcos Leonardo, quase na marca do pênalti. O camisa 9 chuta com perigo, e a bola passa próxima a trave esquerda.

Dez minutos depois, Léo Baptistão bate forte da entrada da área e o goleiro faz a defesa em dois tempos.

Na sequência, Zanocelo recebe de Madson, que também chuta firme de fora da área, e o goleiro faz outra defesa.

Aos 4 minutos, já da segunda etapa, Zanocelo toca para Léo Baptistão, que arrisca próximo da área, mas a bola passa por cima do gol.

Leia Também:  Cruzeiro bate o Sampaio Correia e se mantém na liderança isolada no Brasileirão serie B

Três minutos depois, Léo Baptistão recebe lançamento de Julio, que prontamente toca para Angulo, mas o atacante perde o gol.

O Peixe balançou as redes aos 11 minutos, com Léo Baptistão, mas o árbitro invalidou o gol após verificação no VAR.

A equipe santista continuou em cima do seu adversário, e as mudanças do treinador Fábian Bustos fizeram o time ficar ainda mais ofensivo.

As investidas continuaram até o fim da partida, mas o 0 a 0 não saiu do placar.

FICHA TÉCNICA
Santos FC 0 x 0 Ceará SC
Local: Arena Barueri, em Barueri, São Paulo.
Data: sábado, 21 de maio de 2022
Horário: 18h30
Público: 25.797 pagantes
Renda: 1.038.325,00
Árbitro: Savio Pereira Sampaio
Assistentes: Daniel Henrique da Silva Andrade e Adriano de Assis Miranda
Cartões Amarelos: Jhojan Julio (SFC); Rodrigo Lindoso (CSC)
Cartão Vermelho: Richard Coelho (CSC)
Santos FC: João Paulo; Madson (Lucas Braga), Maicon, Eduardo Bauermann e Lucas Pires; Rodrigo Fernández, Vinícius Zanocelo (Sandry) e Angulo (Rwan); Jhojan Julio (Ricardo Goulart), Léo Baptistão (Lucas Barbosa) e Marcos Leonardo.Técnico: Fábian Bustos
Ceará SC: João Ricardo; Michel (Luiz Otávio), Messias, Gabriel Lacerda e Bruno Pacheco; Rodrigo Lindoso, Richard Coelho e Lima (Nino Paraíba); Mendoza (Iury Castilho), Zé Roberto (Cléber) e Erick (Richardson) Técnico: Dorival Júnior

Leia Também:  Coritiba venceu a equipe do América pelo placar de 1 a 0

fone: https://www.santosfc.com.br/na-arena-barueri-santos-fc-empata-com-o-ceara/

COMENTE ABAIXO:
Advertisement

Esporte

Águas abertas: Ana Marcela Cunha conquista ouro nos 5 km no Mundial

Published

on

A baiana Ana Marcela Cunha conquistou, nesta segunda-feira (27), a medalha de ouro na prova de cinco quilômetros em águas abertas no Campeonato Mundial de Esportes Aquáticos, realizado em Budapeste (Hungria). A brasileira completou o percurso em 57min52s90, menos de um segundo à frente da francesa Angelie Muller, segunda colocada. A italiana Giulia Gabbrielleschi levou o bronze.

Foi a 13ª medalha de Ana Marcela em Mundiais, sendo a sexta dourada e a segunda nos cinco quilômetros – a primeira dela foi há três anos, na edição de Gwangju (Coreia do Sul). A gaúcha Viviane Jungblut, que já havia competido em duas provas de piscina (800 metros e 1,5 metros) e no revezamento em águas abertas, terminou a disputa desta segunda em sétimo.

“Cada medalha tem seu gosto especial, tem uma preparação diferente e uma preparação por trás de cada medalha. Acho que a minha primeira medalha, que foi de bronze, foi nos cinco quilômetros. Ali tudo começou. Hoje, chegar a 13ª medalha, mostra a consistência do nosso trabalho e estou muito feliz com mais essa conquista”, disse a baiana, de 30 anos, ao site da Confederação Brasileira de Desportos Aquáticos (CBDA).

Ana Marcela no Mundial de Esportes Aquáticos Ana Marcela no Mundial de Esportes Aquáticos

Leia Também:  Grêmio empata com o Criciúma na Arena
Ana Marcela no Mundial de Esportes Aquáticos – Divulgação/CBDA/Direitos Reservados

Ana Marcela cai novamente nas águas de Budapeste na quarta-feira (29), às 3h (horário de Brasília), para a prova de dez quilômetros, distância olímpica da modalidade na qual a brasileira foi medalhista de ouro nos Jogos de Tóquio (Japão), no ano passado. Na quinta-feira (30), às 4h, será a vez dos 25 quilômetros, disputa em que é tetracampeã mundial.

Na prova masculina de cinco quilômetros, o Brasil foi representado pelo paulistano Bruce Hanson (21º) e pelo carioca Gabriel Arteiro (22º). Foi a estreia deles em provas individuais em Mundiais. Bruce volta a competir na quinta, às 7h, com o carioca Guilherme Costa, o “Cachorrão”, nos dez quilômetros.

Ingrid faz história

Também nesta segunda-feira, Ingrid Oliveira terminou a prova da plataforma de dez metros de saltos ornamentais na quarta posição, com 327.10 pontos. O resultado da carioca, de 26 anos, foi o melhor da história do Brasil na modalidade em Mundiais, superando a quinta colocação do brasiliense Cesar Castro no trampolim de três metros na edição de Roma (Itália), em 2009.

Ingrid brigou pelo pódio com a malaia Pandelela Pamg (que levou o bronze, com 338.85 pontos) e com a canadense Caeli Mckay (que ficou em quinto, com 318.45 pontos). A medalha de ouro ficou com a chinesa Yuxi Chen (417.25 pontos), que teve a compatriota Hongchan Quan (416.95 pontos) na sequência. Ambas também estiveram no pódio em Tóquio, com Quan em primeiro e Chen em segundo.

Edição: Aline Leal

COMENTE ABAIXO:
Continue Reading

RIO BRANCO

POLÍTICA

POLÍCIA

ACRE AGORA

MAIS LIDAS DA SEMANA

Botão WhatsApp - Canal TI
Botão WhatsApp - Canal TI