NOTÍCIA 1

Fé, proselitismo e politicagem marcam atuação “repugnante” de Arnaldo Barros em programa de TV

Published

on

O Pastor e Vereador de Rio Branco Arnaldo Barros (Podemos) vem dando uma de esperto para fazer do programa da Igreja Geração Eleita um espaço politiqueiro.
Ele gasta a maioria do tempo da programação mostrando sua atuação como vereador.
A legislação não proíbe parlamentares de apresentar programas religiosos, nem de notícias em geral, mas ter um horário para mostrar o trabalho do mandato dentro de um programa da Igreja é no mínimo repugnante.
Entre uma oração e um testemunho, o Pastor parlamentar mostra visitas nos bairros, gente reclamando de ações do poder público e até fazendo xingamentos ao prefeito Tião Bocalom (PP).
Arnaldo Barros já apresenta esse programa faz um bom tempo, mas só depois de eleito vereador ele misturou as coisas:  Religião e Fé no mesmo espaço de programa.
Um membro da Igreja do Pastor Arnaldo Barros reclamou formalmente ao acjornal e disse que “aquilo causa um constrangimento aos membros da Igreja”. Segundo ele, “o que era para ser um espaço para professar a fé e libertar pessoas, virou um programa politiqueiro. O programa deveria ser apresentado por outro membro da Igreja, até para evitar críticas”.
Em tempos de criminalização da fé, fruto da postura irracional de alguns líderes cristãos, Arnaldo Barros agrava ainda mais a situação.
O pastor é pré-candidato a deputado estadual.
 

Leia Também:  Comitê Municipal de Enfrentamento ao Coronavírus analisa plano do Governo do Estado para a volta de serviços não essenciais

COMENTE ABAIXO:
Advertisement

manchete2

Rio Branco e outras cidades do Baixo, Alto Acre e Purus avançam para bandeira verde em avaliação do Comitê Covid

Published

on

As regionais do Baixo Acre, Alto Acre e Purus avançaram para a bandeira verde, que representa cuidado, na avaliação do Comitê de Acompanhamento Especial da Covid-19. Já as regionais Juruá e Tarauacá/Envira permaneceram em bandeira amarela, que é de atenção.

Os dados foram divulgados nesta sexta-feira (1º) pelo governo do Acre e representa o período de avaliação do dia 13 a 26 de março.

Na última avaliação, divulgada no dia 7 de março, o governador Gladson Cameli manteve todas as cidades do Acre em nível de atenção (bandeira amarela) na classificação de risco da pandemia até o dia 31 de março, após aumento de casos no mês de fevereiro.

Porém, em março os indicadores voltaram a apresentar uma melhora no número de casos e mortes.

Regiões

  • Alto Acre: Assis Brasil, Brasileia, Epitaciolândia e Xapuri – faixa verde;
  • Baixo Acre e Purus: Acrelândia, Bujari, Capixaba, Jordão, Manoel Urbano, Plácido de Castro, Porto Acre, Rio Branco, Santa Rosa do Purus, Sena Madureira e Senador Guiomard – faixa verde;
  • Vale do Juruá e Tarauacá/Envira: Cruzeiro do Sul, Feijó, Mâncio Lima, Marechal Thaumaturgo, Porto Walter, Rodrigues Alves e Tarauacá – faixa amarela.
Leia Também:  Audi inclui e-tron S Sportback no programa de carros por assinatura

Como funciona a fase verde

Na fase verde podem funcionar os seguintes estabelecimentos: Restaurantes, bares, pizzarias, sorveterias e outros estabelecimentos similares. Além de teatros, cinemas e apresentações culturais, como também evento religiosos com 80% da capacidade.

Lojas de móveis, eletrodomésticos, eletrônicos, comunicação, informática, áudio, vídeo e colchoarias podem continuar funcionando com todos os protocolos sanitários e aumentando a capacidade limitada de 80%, além de delivery e drive-thru.

A regra vale ainda para lojas de materiais de construção, empresas e obras do ramo da construção civil e demais estabelecimentos como olaria, cerâmicas, serraria, marcenarias e marmorarias.

Feiras livres, comércios de rua, ambulantes e outros também seguem abertos seguindo as orientações de segurança. Para hotéis, shoppings, salões de beleza e motéis a capacidade de funcionamento é a mesma.

Com informações Ecos da Notícia

COMENTE ABAIXO:
Continue Reading

RIO BRANCO

POLÍTICA

POLÍCIA

ACRE AGORA

MAIS LIDAS DA SEMANA

Botão WhatsApp - Canal TI
Botão WhatsApp - Canal TI