Polícia Federal

BPFRON, BOPE e PF apreendem embarcação com agrotóxicos contrabandeados

Published

on

Pato Bragado-PR. Na noite de terça-feira (21/06), policiais militares do BPFRON – Batalhão de Polícia de Fronteira, policiais militares do BOPE – Batalhão de Operações Policiais Especiais e policiais federais realizavam patrulhamento no Lago de Itaipu, cidade de Pato Bragado-PR, quando avistaram uma embarcação se deslocando da margem paraguaia em direção à brasileira.

Os agentes iniciaram procedimento de abordagem, mas ao notar a presença policial, o condutor do barco fugiu, abandonando-o na margem brasileira. No local foram encontrados e apreendidos uma embarcação de fibra, tipo voadeira, medindo aproximadamente seis metros de comprimento, um motor Mercury PRO XS 250 HP e 1.200 litros de agrotóxicos contrabandeados. Os objetos apreendidos foram encaminhados a Delegacia da Polícia Federal em Guaíra-PR.

Fazem parte do Programa Guardiões das Fronteiras nessa operação interagências equipes do BPFRON e demais Unidades da PMPR, Polícia Federal, PCPR, RECEITA FEDERAL e EXÉRCITO BRASILEIRO, com apoio da SEOPI – Secretaria de Operações Integradas/MJSP.

As ações integradas dos órgãos de segurança pública federais e estaduais também fazem parte do PPIF – Programa de Proteção Integrada de Fronteiras, coordenado pelo GSI – PR que busca integrar e articular ações de segurança pública, inteligência, controle aduaneiro e das Forças Armadas com as ações dos estados e municípios situados na faixa de fronteira e divisas, incluídas suas águas interiores e costa marítima.

Leia Também:  PF prende homem foragido na Zona Norte do Rio de Janeiro

BPFRON/PMPR

Disque denúncia: (44) 9 9985-2726

Disque denúncia 181

 

PF/Guaíra/PR

Disque denúncia: (44) 3642-9131

COMENTE ABAIXO:
Advertisement

Polícia Federal

Polícia Federal prende peruano procurado pela Interpol

Published

on

São Paulo/SP – A Polícia Federal localizou e prendeu nesta quarta-feira (29/06/22) um peruano procurado pela Interpol e foragido da Justiça do Peru em São Paulo/SP.

O homem, de nacionalidade peruana, foi acusado de participar de associação criminosa dedicada à exportação de dólares falsos do Peru para a Argentina. O crime ocorreu no ano de 2010. Segundo a legislação peruana a pena aplicada para esse crime é de até 10 anos.

O mesmo estrangeiro já havia sido preso em flagrante, por tentativa de furto qualificada em São Paulo, no ano de 2019.

A prisão se deu em cumprimento ao mandado de prisão preventiva, para fins de extradição, expedido pelo Supremo Tribunal Federal, a partir de representação do Escritório Central Nacional da Interpol no Brasil.

Agora ele permanecerá à disposição da Justiça aguardando os trâmites relativos ao processo de extradição.

No Brasil, a Polícia Federal é a representante da Interpol, uma organização intergovernamental composta por 195 países membros, com o objetivo de cooperação técnica e operacional entre polícias e compartilhamento de dados sobre criminosos procurados em diversos países.

Leia Também:  Procon e Vigilância apreendem 2 toneladas de alimentos no "Mineirão", antigo Macko, em Rio Branco

Comunicação Social da Polícia Federal em São Paulo
Fone: (11) 3538-5013
E-mail: [email protected]

Fonte: Polícia Federal

COMENTE ABAIXO:
Continue Reading

RIO BRANCO

POLÍTICA

POLÍCIA

ACRE AGORA

MAIS LIDAS DA SEMANA

Botão WhatsApp - Canal TI
Botão WhatsApp - Canal TI