Polícia Federal

´PF deflagra operação para desarticular associação criminosa voltada à prática de pesca ilegal no Vale do Javari

Published

on

Manaus/AM – A Polícia Federal deflagrou neste sábado (6/8) operação policial na região compreendida pelos municípios de Atalaia do Norte/AM e Benjamin Constant/AM, em continuidade à investigação do duplo homicídio que vitimou o servidor da Funai Bruno Pereira e o jornalista inglês Dom Phillips.

A equipe de investigação conseguiu identificar a real identidade do indivíduo de alcunha “Colômbia”. Trata-se de Ruben Dario da Silva Villar, um cidadão colombiano que utilizava documentos ideologicamente falsos, como carteira de identidade brasileira e documento de identidade peruano, dentre outros.

Com o avanço das investigações, a PF identificou fortes indícios de que “Colômbia” seria líder e financiador de uma associação criminosa armada dedicada à prática da pesca ilegal na região do Vale do Javari, responsável por comercializar grande quantidade de pescado que era exportado para países vizinhos.

Foram cumpridos sete mandados de prisão preventiva, dois dos quais em desfavor de suspeitos que já se encontram presos – o próprio “Colômbia” e Amarildo Costa de Oliveira, conhecido como “Pelado” -, além de dez mandados de busca e apreensão.

Leia Também:  Operação Molly combate o tráfico de drogas por via postal

Entre os presos estão três familiares de Amarildo envolvidos com a ocultação dos corpos de Bruno e Dom Phillips. Todos estão sendo investigados por associarem-se a “Colômbia” visando a realização de pesca ilegal na região.

As investigações prosseguem para o total esclarecimento do caso.

Comunicação Social da Polícia Federal no Amazonas
Telefone: (92) 3655-1548/ (92) 98213-0105
[email protected]

Fonte: Polícia Federal

COMENTE ABAIXO:
Advertisement

Polícia Federal

PF, BPFRON, PCPR e EB apreendem embarcação carregada com maconha

Published

on

Guaíra/PR – Na tarde desta sexta (12/8), após patrulhamento aéreo ao longo do Parque Nacional da Ilha Grande, equipe composta por integrantes da PF, BPFRON/PMPR, GOA e TIGRE da PCPR e Exército identificou movimentação suspeita de indivíduos e uma trilha aberta dentro do parque e resolveram se aproximar para identificação e fiscalização de possível crime ambiental dentro daquela área de preservação ambiental.

Após aproximação, percebeu-se que os indivíduos ganharam a mata ciliar para fugir de possível abordagem. Foram encontrados às margens do Rio Paraná 41 fardos de maconha, totalizando o peso de 826 kg quando pesados posteriormente na delegacia.

Todo o material ilícito foi apresentado na Delegacia de Polícia Federal em Guaíra/PR, para as providências habituais de apreensão.

A eficiente ação integrada reafirma o compromisso das Instituições de Segurança para com a defesa das Fronteiras Brasileiras.

Comunicação Social da Polícia Federal em Guaíra/PR

Disque denúncia: (44) 3642-9131

Fonte: Polícia Federal

COMENTE ABAIXO:
Leia Também:  PF inicia operação Peaky Blinders, para combate do tráfico de drogas no Acre
Continue Reading

RIO BRANCO

POLÍTICA

POLÍCIA

ACRE AGORA

MAIS LIDAS DA SEMANA

Botão WhatsApp - Canal TI
Botão WhatsApp - Canal TI