Polícia Federal

PF participa do 1º Mutirão PopRuaJud no Rio de Janeiro

Published

on

Rio de Janeiro/RJ – A Polícia Federal participou do 1º Mutirão PopRuaJud ocorrido na cidade do Rio de Janeiro, evento em que é fornecido atendimento à população em situação de rua e hipossuficientes, organizado pelo Tribunal Regional Federal da 2ª Região (TRF2) e que também conta com a participação de instituições como Receita Federal, DETRAN, Exército Brasileiro, dentre outras.

O evento aconteceu entre os dias 03 e 05 de agosto, na Catedral Metropolitana de São Sebastião, no centro do Rio.

O objetivo do Mutirão PopRuaJud é prestar serviços de assistência básica para pessoas em situação de rua e hipossuficientes, tais como banho, alimentação, vacinação, assistência médica, obtenção de documentos e acesso às prestações jurídicas cabíveis em cada caso concreto.

A participação da Polícia Federal no evento, por meio de servidores da Delegacia de Polícia de Imigração (DELEMIG), foi fundamental para o atendimento aos estrangeiros, visto que no Rio de Janeiro várias pessoas em situação de rua são imigrantes sem documentação.

Leia Também:  PF apreende 175 kg de cocaína no Porto do Rio de Janeiro

No Mutirão PopRuaJud, a PF ofereceu os serviços de regularização migratória dos estrangeiros, informações sobre documentação em geral, pedidos de refúgio, segunda via de Registro Nacional Migratório e autorizações de residência. Os servidores da DELEMIG atenderam mais de 100 pessoas ao longo dos três dias de evento.

O “Pop Rua Jud Rio de Janeiro” atende à Resolução CNJ nº 425/2021, que instituiu a Política Nacional Judicial de Atenção a Pessoas em Situação de Rua e suas interseccionalidades. A norma busca assegurar o amplo acesso dessa população à justiça, considerando sua heterogeneidade, além de estimular a atuação articulada entre diversos órgãos para promover a assistência necessária a esses cidadãos.

Comunicação Social da Polícia Federal no Rio de Janeiro
[email protected] | www.gov.br/pf
(21) 2203-4404 / 4405 / 4406 / 4407

Fonte: Polícia Federal

COMENTE ABAIXO:
Advertisement

Polícia Federal

Polícia Federal executa extradição de uruguaio foragido da justiça do Rio Grande do Sul

Published

on

Santana do Livramento/RS: A Polícia Federal, em atuação conjunta com autoridades do Uruguai, extraditou, nesta quarta-feira (17/08), um cidadão uruguaio condenado pela Vara Criminal de Santana do Livramento a 6 anos e 4 meses de prisão pelo assalto a uma corretora de seguros e a um escritório de advocacia no centro da cidade, em 2018.

O extraditado cumpria pena na Penitenciária Estadual de Santana do Livramento e fez parte do grupo de oito detentos que fugiram do estabelecimento prisional em 18 de novembro de 2021. Esse foi o terceiro foragido do grupo recapturado e extraditado pela Polícia Federal.

Após a fuga, o estrangeiro teve seus dados inseridos na “Difusão Vermelha” da Interpol, lista de procurados internacionais. A partir da publicação da informação, as autoridades uruguaias comunicaram que o foragido já se encontrava preso naquele país por tráfico de armas de fogo e executou o mandado de captura internacional emitido a pedido das autoridades brasileiras.

Desde então, o extraditado permaneceu detido no país vizinho até a conclusão do processo de extradição.

Leia Também:  PF prende foragido procurado pelas autoridades do Paraguai

O preso tem 30 anos e foi entregue pela Interpol uruguaia à Polícia Federal em Santana do Livramento-Rivera. O estrangeiro será encaminhado à Penitenciária Estadual de Santana do Livramento para o cumprimento da pena.

Participaram do processo de extradição a Representação Regional da Interpol no Rio Grande do Sul (PF), a Interpol uruguaia e a Delegacia de Polícia Federal em Santana do Livramento.

Comunicação Social
Superintendência da Polícia Federal no Rio Grande do Sul
Fone: (51) 3235.9005

Delegacia de Polícia Federal em Santana do Livramento
Fone: (55) 3241-9000

Fonte: Polícia Federal

COMENTE ABAIXO:
Continue Reading

RIO BRANCO

POLÍTICA

POLÍCIA

ACRE AGORA

MAIS LIDAS DA SEMANA

Botão WhatsApp - Canal TI
Botão WhatsApp - Canal TI