Polícia Federal

PF prende 2 homens com 20 kg de pasta base de cocaína no Rio de Janeiro

Published

on

Rio de Janeiro/RJ – Nesta quarta-feira, 22/6, a Polícia Federal prendeu em flagrante dois homens, de 28 e 47 anos, que transportavam 20 kg de pasta base de cocaína de São Paulo para o Rio de Janeiro, no interior de um veículo.

A abordagem realizada pelos policiais federais ocorreu na Rodovia Presidente Dutra, na região de Piraí, e contou com o apoio do cão farejador Apollo para localização da droga, oculta no porta malas do veículo.

Os presos foram encaminhados à Superintendência Regional da PF, na Praça Mauá, para lavratura do Auto de Prisão em Flagrante e responderão pelo crime de tráfico de drogas, cuja pena pode chegar a 15 anos de prisão.

Esta ação ocorre durante a Semana Nacional de Políticas sobre Drogas, instituída pela Lei 13.840/2019, no período de 21 a 24 de junho, em que são promovidas ações voltadas à prevenção e a repressão ao tráfico de drogas em todo o Brasil.

Comunicação Social da Polícia Federal no Rio de Janeiro

Leia Também:  Polícia Federal prende candidato a prefeito e membro de partido no vale do Juruá

[email protected] | www.gov.br/pf

(21) 2203-4404 / 4405 / 4406 / 4407 / 4407

COMENTE ABAIXO:
Advertisement

Polícia Federal

Polícia Federal deflagra operação de combate a fraudes a Sistema Oficial de controle de produto florestais – SISDOF

Published

on

Porto Velho/RO – A Polícia Federal deflagrou, nesta terça-feira (28/6), a Operação Paper Wood, que visa desarticular organização criminosa dedicada a fraudar o Sistema Oficial de Controle de Produtos Florestais (SISDOF), com o propósito de permitir a comercialização de madeira ilegal com aparência de lícita.

Durante a operação foram cumpridos mandados de busca e apreensão em madeireira situada em Porto Velho/RO e também em desfavor de pessoas físicas responsáveis por operacionalizar esquema de geração fictícia de créditos de produto florestal no SISDOF.

A operação contou com 20 policiais federais e também com agentes do IBAMA, que realizaram fiscalizações administrativas no pátio da empresa alvo para verificar a compatibilidade do saldo de madeira constante do pátio com o respectivo registro no SISDOF. Ao todo foram cumpridos 5 mandados de busca e apreensão, todos expedidos pela 7ª Vara Federal Criminal de Porto Velho/RO.

Foi determinado também o sequestro e bloqueio de bens dos investigados em mais de R$ 2.5 milhões, valor estimado por peritos federais como representativo do dano causado.

Leia Também:  PF apreende quase 5 kg de maconha remetida via postal ao RN

A investigação se iniciou a partir de Informação Técnica do Ibama dando conta de que empresas madeireiras de fachadas estavam operacionalizando o SISDOF e gerando créditos de produto florestal para calçar madeira ilegal.

As diligências investigativas levaram à conclusão de que as diversas madeireiras que transacionavam no SISDOF não existiam fisicamente. Além disso, descobriu-se que essas empresas eram constituídas em nome de laranjas para evitar a identificação dos criminosos.

Com métodos especiais de investigação, a Polícia Federal conseguiu identificar o líder da organização criminosa e principal idealizador do audacioso esquema de fraude ao SISDOF. Esse esquema criminoso permitiu a comercialização no mercado nacional e internacional de diversas essências de madeiras extraídas ilegalmente de áreas protegidas.

Os investigados poderão responder pelos crimes de organização criminosa, lavagem de capitais, falsidade ideológica, receptação e transporte ilegal de produto florestal, cujas penas máximas somadas chegam a 28 anos.

 

Comunicação Social da Polícia Federal em Rondônia

 | www.pf.gov.br

Fonte: Polícia Federal

COMENTE ABAIXO:
Continue Reading

RIO BRANCO

POLÍTICA

POLÍCIA

ACRE AGORA

MAIS LIDAS DA SEMANA

Botão WhatsApp - Canal TI
Botão WhatsApp - Canal TI