POLITÍCA NACIONAL

Comissão lança campanha que alerta para privatização de Serpro e Dataprev

Published

on

Roberto Suguino/Agência Senado
Administração Pública - geral - Dataprev previdência dados programas assistenciais auxílio emergencial (sede da Dataprev em Brasília-DF)
Campanha alerta para a privatização de empresas públicas de tecnologia

A Comissão de Educação da Câmara dos Deputados realiza audiência pública nesta segunda-feira (27) para o lançamento da campanha “Salve seus Dados”, criada por empregados da Dataprev e do Serpro para alertar sobre os riscos de privatização dessas empresas públicas de tecnologia.

A audiência será às 9 horas, no plenário 10, e poderá ser acompanhada de forma virtual pelo e-Democracia.

O deputado Professor Israel Batista (PSB-DF), que pediu a audiência, lembrou que Dataprev e Serpro “detêm o monopólio de desenvolvimento, guarda e manutenção de importantes e estratégicos sistemas de informação do Estado, como Imposto de Renda, escrituração fiscal e Previdência Social, incluindo-se o cadastro e os pagamentos mensais dos benefícios previdenciários a dezenas de milhões de brasileiros”.

Debatedores
Foram convidados para o evento, entre outros, o presidente da Associação Nacional dos Empregados da Dataprev, Tadeu Léo Santuchi Rocha;
o presidente do Conselho de Administração do Serpro, Marco Paulo Reis Tanure; e a coordenadora da Frente Nacional dos Trabalhadores em Informática, Vera Guasso.

Leia Também:  CAS vota regulamentação da profissão de gari

Veja a lista completa de convidados

Da Redação – RS

COMENTE ABAIXO:
Advertisement

POLITÍCA NACIONAL

Projeto aprovado favorece o desenvolvimento do esporte nas escolas, diz relator

Published

on

Marina Ramos/Câmara dos Deputados
Proposições Remanescentes do Dia Anterior. Dep. Afonso Hamm PP-RS
Afonso Hamm, relator do projeto de lei

Relator do Plano Nacional do Esporte (PL 409/22), o deputado Afonso Hamm (PP-RS) destacou que a proposta determina o desenvolvimento do esporte nas escolas, com equipamentos e aparelhos para que a população não seja mais sedentária, e com políticas que promovam o desenvolvimento e a qualidade de vida pelo esporte. O projeto estabelece diretrizes e metas para o esporte nos próximos dez anos.

“Nasce aqui um plano nacional do esporte para o Brasil, para todos os brasileiros, para que a gente possa efetivamente estabelecer políticas que estimulem o País, que já é o País do futebol, a ser indutor do esporte de forma inclusiva e democrática”, disse.

O deputado afirmou que o texto aprovado pela Câmara é resultado de discussões com grande participação de entidades, dos parlamentares e do Poder Executivo. Ele disse ainda que está disposto a participar da negociação para que o texto seja votado em breve pelo Senado Federal.

Afonso Hamm ressaltou que a sua formação educacional e política está vinculada ao esporte. Ele foi atleta da Universidade Federal de Pelotas e afirmou que o esporte custeou sua alimentação e alojamento nessa fase da vida. “O esporte faz diferença na vida das pessoas”, disse.

Leia Também:  Comissão aprova proposta que eleva o vale-cultura para R$ 80 mensais por trabalhador

Inclusão social
O líder do PT, deputado Reginaldo Lopes (MG), também destacou a aprovação da proposta. “O esporte ajuda no processo educacional e é importante para a gente romper o ciclo da pobreza e das desigualdades”, disse.

O deputado Felipe Carreras (PSB-PE) também elogiou a medida. “O esporte é uma ferramenta de inclusão social e de libertação social”, disse. Ele é relator da proposta que atualiza a Lei Pelé (PL 1153/19) e que poderá ser votada em Plenário na semana que vem.

Saiba mais sobre a tramitação de projetos de lei

Reportagem – Carol Siqueira
Edição – Pierre Triboli

Fonte: Câmara dos Deputados Federais

COMENTE ABAIXO:
Continue Reading

RIO BRANCO

POLÍTICA

POLÍCIA

ACRE AGORA

MAIS LIDAS DA SEMANA

Botão WhatsApp - Canal TI
Botão WhatsApp - Canal TI