RIO BRANCO

Adolescente pega moto emprestada e se envolve em grave acidente em Rio Branco

Published

on

Um adolescente de 16 anos ficou gravemente ferido após bater a motocicleta atrás de um veículo na noite da terça-feira (13), na rua Manoel Rodrigues de Souza, no bairro Dom Giocondo, próximo ao Cemitério São João Batista, em Rio Branco.

Segundo informações de testemunhas, o adolescente estava na companhia de outros amigos se divertindo no Skate Park, quando resolveu pegar a motocicleta de modelo Tornado, de cor preta e placa MZW-2D29, de propriedade de um dos colegas, para comprar uma carteira de cigarro.

Ao sair do local, acabou acelerando demais e deu uma forte arrancada na motocicleta, e no momento em que tentou desviar de uma caminhonete de cor vermelha que estava entrando em um estacionamento, acabou batendo em um carro modelo Astra, de cor preto e placa NAG-1059, que estava estacionado às margens da rua.

O capacete não estava afivelado na cabeça da vítima e, no impacto da motocicleta Tornado com o veículo Astra, o equipamento de segurança acabou saindo da cabeça da vítima e indo parar a cerca de 20 metros de distância. O menor acabou quebrando o vidro traseiro com a cabeça e caiu no chão. Na batida, a moto ficou completamente destruída.

Leia Também:  Nova Carteira de Identidade Nacional começa a ser emitida hoje

Os amigos dele correram para lhe ajudar e acionaram a Polícia Militar e o Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu), que enviou uma ambulância para prestar os primeiros atendimentos e encaminhou o adolescente ao pronto-socorro de Rio Branco em estado de saúde estável, apenas com cortes no rosto e um Traumatismo Craniano Encefálico (TCE) de natureza moderada, além de diversas escoriações pelo corpo.

Policiais Militares do Batalhão de Trânsito estiveram no local e isolaram a área para os trabalhos de perícia. Após os trabalhos da perícia, a motocicleta foi recolhida por um guincho.

Na Hora da Notícia

COMENTE ABAIXO:
Advertisement

RIO BRANCO

Familiares de presos podem fechar BR-364 a qualquer momento: “Não vamos nos calar”

Published

on

A mulher de um dos educandos da Unidade Prisional Evaristo de Moraes, em Sena Madureira, disse que os familiares dos presos estão se organizando para reivindicar melhorias no sistema prisional no interior.

nesta terça-feira, 27, o grupo vai procurar o diretor da unidade, Francisco de Assis e, caso não sejam definidas melhorias em curto prazo, a BR 364 será interditada.

“Aqui é um pouco complicado, porque já fizemos varias reivindicações e nada muda. As coisas acontecem em Rio Branco, mas não chegam aqui. Aqui ainda só podemos entrar com dois quilos de comida, o que passa é jogado fora”, lamentou a mulher que preferiu não ser identificada porque vem sendo ameaçada.

“Os policiais aqui nos ameaçam, dizem que vão transferir nossos maridos caso a gente reinvindique nossos direitos nas ruas. Mas o que podemos fazer? A polícia vai na porta da nossa casa se a gente for pra rua, a gente se sente só, sem saber com quem contar, mas não vamos desistir”, disse.

Leia Também:  Mara diz que o Governo do Acre transformou o Estado colônia do Amazonas

A mulher contou que os presos só recebem dois pacotes de bolacha por mês. “Nossas coisas são rasgadas, quebradas, jogadas fora se passar de dois quilos. O sabonete é cortado em quatro pedações e são mais de 14 presos numa cela sem nenhum ventilador. Se está quente aqui fora, imagine lá dentro”, desabafou.

Ela disse que uma nova tentativa de diálogo será feita nesta terça-feira, 27. “Vamos tentar ter uma conversa com o diretor, mas já estamos decididos a fechar a BR 364. Vamos reunir o máximo de famílias porque está todo mundo na mesma situação”, revelou.

“Não queremos prejudicar ninguém, mas as pessoas precisam saber o que está acontecendo. Fora as humilhações que já passamos a cada vez que precisamos entrar do sistema penitenciário, temos que ficar calados com a falta de humanidade? Não podemos nos calar, são nossos familiares que estão lá dentro, no calor sem tamanho”, desabafou.

Contilnet

COMENTE ABAIXO:
Continue Reading

RIO BRANCO

POLÍTICA

POLÍCIA

ACRE AGORA

MAIS LIDAS DA SEMANA

Botão WhatsApp - Canal TI
Botão WhatsApp - Canal TI