manchete

Estado do Acre fecha parceria para realização de eventos ao público nerd; Saiba mais

Published

on

O público nerd se interessa por tudo o que é novo e tecnológico, como o universo dos jogos eletrônicos, filmes e séries.

Jhon Douglas com o vice-presidente da Anac, Eduardo Madeira, e com o secretário-geral, Hector Magalhães. Foto: Alice Leão

Eduardo Madeira e Hector Magalhães, membros da Anac, apresentaram o calendário de eventos de 2022 para o titular da Seet, Jhon Douglas da Costa, e pediram a continuidade da parceria com o Estado, que  vem colaborando com essa agenda desde 2019, tendo em vista que são iniciativas que fomentam o turismo e o empreendedorismo.
“A Anac fomenta o fazer cultural nerd. Quando fazemos eventos como esse, movimentamos uma corrente que vai desde a confecção de roupas cosplay, [arte de se transformar em um personagem utilizando maquiagem, interpretação, vestuário e demais técnicas exigidas pelo alter ego do artista] a vendas de produtos nerds. Pessoas de outros estados vêm participar, o que também movimenta a cadeia do turismo”, reforça Hector Magalhães.
Existem oito eventos programados para este ano. O maior deles, o Comic Nerd, costuma movimentar um público de 16 mil pessoas, em três dias. O evento é realizado nos moldes do Comic Con Experience (CCXP), que é o maior do Brasil no segmento.
De acordo com Jhon Douglas, essas atividades envolvem o artesanato, a economia solidária e outros pequenos negócios que geram economia e renda: “Temos a preocupação de fomentar eventos que sempre atraem gente e movimentam empreendimentos”.

Leia Também:  Chefe de segurança do Iapen é acusado por agressão, cárcere privado e indução ao aborto contra colega de trabalho

COMENTE ABAIXO:
Advertisement

manchete

Servidores da Educação e Saúde do AC mantém greve após aprovação de reajuste e auxílio alimentação

Published

on

Servidores da Educação e Saúde do estado decidiram manter a paralisação das atividades e atendimentos após aprovação dos reajustes salariais e auxílio alimentação pelos deputados na Assembleia Legislativa do Acre (Aleac). As categorias se reúnem na próxima semana para discutir os próximos passos da greve.
A greve da Educação começou no dia 16 de fevereiro. O motivo é a paralisação dos servidores da pasta por melhorias salariais, concurso público e outras reivindicações. Por conta da paralisação, o início das aulas foram adiadas do dia 4 de abril para o dia 11.
“Vamos fazer a assembleia na segunda-feira [4] às 9h no Centro. Não era o que queríamos, queremos manter nossa estrutura de carreira, os percentuais entre os níveis, manter os percentuais entre nossas referências e, infelizmente, nos tiraram tudo. Vamos apresentar e discutir como ficou o projeto”, afirmou a presidente do Sindicato dos Trabalhadores em Educação do Acre (Sinteac), Rosana Nascimento.
Os sindicatos dos Trabalhadores em Saúde do Acre (Sintesac) e dos Médicos do Acre (Sindmed-AC) também se posicionaram a favor da paralisação. Para o Sindmed-AC, a reposição de 5,42% é ofensiva e o governo descumpriu o acordo.
“O descumprimento do acordo representou uma grande decepção para a categoria, uma ofensa, pois já havia concordância, por meio de negociação fechada, em junho do ano passado, que existiria a reposição inflacionária dos dois últimos anos”, pontuou o vice-presidente do sindicato, Rodrigo Prado.
O presidente do Sintesac, Adailton Cruz, disse que a categoria se reúne na próxima terça-feira (5) em uma assembleia geral para discutir se continua ou não com o movimento. “O reajuste aprovado não é o que o governo se comprometeu, não é nem a metade do que foi acordado. Os trabalhadores estão muito decepcionado”, revelou.
Com informações G1 Acre

Leia Também:  Empresa permite que usuários sintam cheiros no metaverso; saiba como

COMENTE ABAIXO:
Continue Reading

RIO BRANCO

POLÍTICA

POLÍCIA

ACRE AGORA

MAIS LIDAS DA SEMANA

Botão WhatsApp - Canal TI
Botão WhatsApp - Canal TI