manchete

Polícia Federal prende candidato a prefeito e membro de partido no vale do Juruá

Published

on

A Polícia Federal, em atividade preventiva e repressiva no Vale do Juruá, prendeu ontem (14.11.2020) em flagrante delito um candidato a prefeito do município de Marechal Thaumaturgo e um membro do diretório municipal do PROS que supostamente deram combustível e dinheiro a eleitores com o intuito de obter votos.
O auto de prisão flagrante foi lavrado pela Delegacia de Polícia Federal de Cruzeiro do Sul/AC, com o apoio logístico da Polícia Civil do Estado do Acre. A afiança arbitrada só foi paga por um dos indiciados até o momento e o mesmo responderá em liberdade.
A Polícia Federal, em atenção a suas atribuições constitucionais e legais, tem adotado protocolo de atuação para garantir a lisura e legitimidade das eleições, estando presente em todos os municípios da região do Vale do Juruá.

COMENTE ABAIXO:
Leia Também:  Polícia Federal deflagra Operação Kraken de combate a estupro de vulnerável e à pornografia infantil na internet
Advertisement
Click to comment

You must be logged in to post a comment Login

Leave a Reply

manchete

Servidores da Educação e Saúde do AC mantém greve após aprovação de reajuste e auxílio alimentação

Published

on

Servidores da Educação e Saúde do estado decidiram manter a paralisação das atividades e atendimentos após aprovação dos reajustes salariais e auxílio alimentação pelos deputados na Assembleia Legislativa do Acre (Aleac). As categorias se reúnem na próxima semana para discutir os próximos passos da greve.
A greve da Educação começou no dia 16 de fevereiro. O motivo é a paralisação dos servidores da pasta por melhorias salariais, concurso público e outras reivindicações. Por conta da paralisação, o início das aulas foram adiadas do dia 4 de abril para o dia 11.
“Vamos fazer a assembleia na segunda-feira [4] às 9h no Centro. Não era o que queríamos, queremos manter nossa estrutura de carreira, os percentuais entre os níveis, manter os percentuais entre nossas referências e, infelizmente, nos tiraram tudo. Vamos apresentar e discutir como ficou o projeto”, afirmou a presidente do Sindicato dos Trabalhadores em Educação do Acre (Sinteac), Rosana Nascimento.
Os sindicatos dos Trabalhadores em Saúde do Acre (Sintesac) e dos Médicos do Acre (Sindmed-AC) também se posicionaram a favor da paralisação. Para o Sindmed-AC, a reposição de 5,42% é ofensiva e o governo descumpriu o acordo.
“O descumprimento do acordo representou uma grande decepção para a categoria, uma ofensa, pois já havia concordância, por meio de negociação fechada, em junho do ano passado, que existiria a reposição inflacionária dos dois últimos anos”, pontuou o vice-presidente do sindicato, Rodrigo Prado.
O presidente do Sintesac, Adailton Cruz, disse que a categoria se reúne na próxima terça-feira (5) em uma assembleia geral para discutir se continua ou não com o movimento. “O reajuste aprovado não é o que o governo se comprometeu, não é nem a metade do que foi acordado. Os trabalhadores estão muito decepcionado”, revelou.
Com informações G1 Acre

Leia Também:  Reforma: Gladson enxuga a máquina, economiza R$ 22 milhões, valoriza servidores e poderá convocar centenas de policiais

COMENTE ABAIXO:
Continue Reading

RIO BRANCO

POLÍTICA

POLÍCIA

ACRE AGORA

MAIS LIDAS DA SEMANA

Botão WhatsApp - Canal TI
Botão WhatsApp - Canal TI