manchete

Turismo, grandes obras e mais: Governo do Acre lança em janeiro plano para retomada da economia

Published

on

Uma série de ações que vão desde incentivo ao turismo interno a liberação de recursos e execução de grandes obras de infra-estrutura está sendo preparada pelo governo acreano para fomentar o crescimento do estado já a partir do inicio do ano que vem.
As medidas administrativas, chamadas de Plano de Retomada Econômica para Todos (PRET) estão sendo elaboradas pela equipe técnica e econômica do governo com a participação de representantes de todas as secretarias e especialistas em áreas distintas.
A intenção do governador Gladson Cameli, após a redução dos casos de covid, é alavancar o mercado da construção civil, que emprega a maioria da mão de obra do estado e gerar emprego e renda nos 22 municípios acreanos.
Paralelo a isso, o governo vai fomentar eventos culturais, turísticos e esportivos em todas as regionais para incentivar a circulação cambial.
Por quanto ainda não se fala em distribuição de valores por segmentos sociais e econômicos a serem contemplados. Mas o montante geral deve ser a soma de recursos próprios do estado com as emendas parlamentares já garantidas pela bancada federal do Acre em Brasília
O ACjornal apurou junto a uma fonte do Palácio Rio Branco que o lançamento do Plano de Retomada da Economia para Todos ainda não tem data certa para acontecer, mas a previsão é que ocorra logo após o Carnaval.

Leia Também:  Bandeiras de Bolsonaro, obras podem atrasar por alta nos custos

COMENTE ABAIXO:
Advertisement

manchete

Servidores da Educação e Saúde do AC mantém greve após aprovação de reajuste e auxílio alimentação

Published

on

Servidores da Educação e Saúde do estado decidiram manter a paralisação das atividades e atendimentos após aprovação dos reajustes salariais e auxílio alimentação pelos deputados na Assembleia Legislativa do Acre (Aleac). As categorias se reúnem na próxima semana para discutir os próximos passos da greve.
A greve da Educação começou no dia 16 de fevereiro. O motivo é a paralisação dos servidores da pasta por melhorias salariais, concurso público e outras reivindicações. Por conta da paralisação, o início das aulas foram adiadas do dia 4 de abril para o dia 11.
“Vamos fazer a assembleia na segunda-feira [4] às 9h no Centro. Não era o que queríamos, queremos manter nossa estrutura de carreira, os percentuais entre os níveis, manter os percentuais entre nossas referências e, infelizmente, nos tiraram tudo. Vamos apresentar e discutir como ficou o projeto”, afirmou a presidente do Sindicato dos Trabalhadores em Educação do Acre (Sinteac), Rosana Nascimento.
Os sindicatos dos Trabalhadores em Saúde do Acre (Sintesac) e dos Médicos do Acre (Sindmed-AC) também se posicionaram a favor da paralisação. Para o Sindmed-AC, a reposição de 5,42% é ofensiva e o governo descumpriu o acordo.
“O descumprimento do acordo representou uma grande decepção para a categoria, uma ofensa, pois já havia concordância, por meio de negociação fechada, em junho do ano passado, que existiria a reposição inflacionária dos dois últimos anos”, pontuou o vice-presidente do sindicato, Rodrigo Prado.
O presidente do Sintesac, Adailton Cruz, disse que a categoria se reúne na próxima terça-feira (5) em uma assembleia geral para discutir se continua ou não com o movimento. “O reajuste aprovado não é o que o governo se comprometeu, não é nem a metade do que foi acordado. Os trabalhadores estão muito decepcionado”, revelou.
Com informações G1 Acre

Leia Também:  Câmara aprova MP que permite uso de fundo para financiar plano de saúde de policiais federais; acompanhe

COMENTE ABAIXO:
Continue Reading

RIO BRANCO

POLÍTICA

POLÍCIA

ACRE AGORA

MAIS LIDAS DA SEMANA

Botão WhatsApp - Canal TI
Botão WhatsApp - Canal TI